Relato de hospital #04

Expectativa a mil por hora, contagem regressiva para esse dia único que marcou minha vida. Quando estávamos nos corredores, o coração acelerado... Primeiro quarto: ohhh!!! Ops! Não dissemos nada porque o alvo precisava desabafar, contar e contar o seu sofrimento que percorre há anos e ele só precisava colocar isso pra fora. Ali estávamos para ouvi-lo e claro, oferecer o toque. Um abraço apertado como se tivesse carregando suas forças. Segundo quarto: ali nasce a GOROROBA! Paulito Biruta e sua parceira Leleca Meleka no auge de seus encantamentos e Paulito diz: "Ahh, sai pra lá.... sua....gororoba!!! E eu: "Eu não sou Gororoba, é GO LO RO BA!" Foi mágico! Gororoba daqui, go lo ro ba dali... E assim nos divertimos com um rapazinho lindo e sua família. Terceiro, quarto, quinto quarto.... Ai gente é muito amor! A cada beijo um sopro de amor e a reciprocidade imediata guardada no meu coração. Amei!!!

Posts recentes
Arquivo
Procurar por tags